Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

http://jazzistica.blogs.sapo.pt

Blog de poesia , música e olhares de Marina Malheiro, aprendiz de poesia

http://jazzistica.blogs.sapo.pt

Blog de poesia , música e olhares de Marina Malheiro, aprendiz de poesia

# Love song ( feat . Lana del Rey)

22.12.20 | marina malheiro

bc6948ada6fa52d02a07308d86728a3f.jpg

por todo o lado surge a noção de que é necessária uma palavra futura para além deste ano completamente surreal, mesmo de ficção científica. uma palavra que nos dê alento.

li que talvez este maldito vírus permaneça entre nós uma década, talvez de modo endémico e de que teremos de ter um "normal diferente". 

espero voltar a um normal em que se possa respirar livremente, em casa, na rua, junto dos amigos, dos colegas de trabalho, dos filhos, da família.

por isso, ESPERANÇA, é a minha palavra para este Natal de famílias subdivididas, em isolamentos profiláticos : muitos sós, muitos desempregados, muitos sem ceia condigna ,a tentarem "mandar o vírus à fava".

Feliz Natal a todos os que leem o Jazzística. Votos de muita ESPERANÇA.

ao meu pai, com muitas saudades.

(Lana del Rey, Love Song, 2019, all rights reserved to Lana del Rey).

@mmalheiro

Playlist 3- Regresso a casa- J. Luís Peixoto ( feat. Mozart )

03.12.20 | marina malheiro

de86a177a7f579678cfcf8f95f2c9fa1.jpg

Pintura de Elizabeth Lennie; "Yellow Cap (Sold)" - all rights reserved to Elizabeth Lennie

Hoje soube que uma livraria se associou a uma empresa de entrega de comida a casa. Vão entregar livros a casa. Uma grande ideia e um perigo para muitos como eu que andamos sempre com um livro debaixo do braço, no carro, em cima da mesa, em todo o lado. 

No meio dos milhentos papéis de trabalho resolvi abrir o novo livro de José Luís Peixoto que comprei  há alguns dias atrás e foi com este texto magnífico que eu fiquei "paw"! maravilhada: 

" (...) Repara na lonjura que se estende no interior da letra a, é claridade,

saúda-a. Repara no til, tão tímido

como certos sorrisos nossos.

Um livro de poesia , outra vez.

Uma pequena casa, habitada

pelo nosso tempo, pelos gestos

que fazemos dentro de nós,

reflexos ou sombras invisíveis,

memórias e toda esta claridade.

Estamos vivos, repara."

José Luís Peixoto, Regresso a Casa, Quetzal, 1ª edição , agosto de 2020, p. 9

@mmalheiro

 

Playlist 2- Nyman - for Eduardo Lourenço

01.12.20 | marina malheiro

d93ef8af56587de253aa6d28f413e500.jpg

Para se compreender um grande pensador como foi Eduardo Lourenço é necessário lê-lo.

Fica aqui em versão digital , via Goodreads, O Labirinto da Saudade (1978) escutando o magnífico Michael Nyman , "In Re Don Giovani" ( all rights reserved to Michael Nyman) bisadíssimo neste blog.

"Nação pequena que foi maior do que os deuses em geral o permitem, Portugal precisa dessa espécie de delírio manso, desse sonho acordado que, às vezes, se assemelha ao dos videntes (Voyants no sentido de Rimbaud) e, outras, à pura inconsciência, para estar à altura de si mesmo."

Eduardo Lourenço (1988)

@mmalheiro