Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

http://jazzistica.blogs.sapo.pt

Blog de poesia , música e olhares de Marina Malheiro, aprendiz de poesia

http://jazzistica.blogs.sapo.pt

Blog de poesia , música e olhares de Marina Malheiro, aprendiz de poesia

COMPASSO

30.06.10 | marina malheiro

COMPASSO@marinamalheiroabril2010

Há casas que transpiram música, esta fica no Porto e vive de sonoridades próprias.

Foi em compasso jazzístico que descobri Dizzy Gillespie, um músico grand.ioso!

Ainda estou a tentar acompanhar a lesta corrida que este homem fez pelo Jazz fora

Dizzy Gillespie, The Real Thing, "Closer", 1970

TATUAGEM

28.06.10 | marina malheiro

TATUAGEM@marinamalheiroabril2010

 

em teu corpo

assinala-se a velhice

em teu corpo

as linhas coseram-se condoídas

nelas se faz o caminho

da vida que foi tua

 

em tatuagem

está a esperança

desenhada em lágrimas

 

marinamalheiro@29062010

 

 

 

Saramago

18.06.10 | marina malheiro
Há 16 anos eu e muitos portugueses fomos a Lanzarote em busca de Saramago. Perceber por que vivia perto de um vulcão extinto numa casa onde a escrita se fazia todos os dias....
Tornou-se claro ; naquele lugar onde os vulcões deram cor à terra,onde Manrique criou um jardim de cactos, um auditório num vulcão, onde os ventos sopram cheirando a África, Saramago pensou, repensou sobre o começo do Tudo.
Até sempre!
@marinamalheiro

...

12.06.10 | marina malheiro

Ben Harper, My father's house, 2009 ( autoria Bruce Springsteen)

Corrida

12.06.10 | marina malheiro

Desenham-se

por entre os sonhos

os teus passos

 

 no cerejal onde o sol cora as tuas faces magenta

corre uma fina brisa que te abraça e sacode

 

 estendidos, contentes, os braços

 para ti da pequena alma que te saiu do ventre

 

 no longe ficam agora outros frutos macilentos

nos ramos da vida

 na seiva que flui pelo tempo fora.

@marinamalheiro 20100612

Na curva da vida

06.06.10 | marina malheiro

Na curva da vida há coincidências que nos cercam com estranheza. A morte inesperada é o caso, em forma de acidente.

3 vidas ceifadas a caminho de uma quarta no fio do arame... Há coincidências .... 

 

 @marinamalheiro

...

06.06.10 | marina malheiro

 O passado

nas mãos

não se desfaz

 

réstias de assombros

poeiras infinitas

e perenes

 

 

20100606

 

@marinamalheiro

Pág. 1/2