http://jazzistica.blogs.sapo.pt
Blog de poesia , música e olhares de Marina Malheiro, aprendiz de poesia
08 de Janeiro de 2018

eb31ca589529cc12ad280e423bee9c64.jpg

Pina Bausch

# nada nos prepara para perder os nossos entes queridos. nada. nem palavras avulso.

nada nos prepara para as noites em que a saudade nos dói no corpo e não sabemos o que fazer.

 

ao meu pai, aires carreiras

 

@mmalheiro

 

publicado por marina malheiro às 13:20 link do post
sinto-me:
30 de Novembro de 2017

91b8c9ade5fb8e390c84ba2965b43fda.jpg

1º concerto que assisti ao vivo dos Xutos foi em 1987.

Ao Zé Pedro. Obrigado. Sempre.

[ Submissão, Xutos e Pontapés, voz Zé Pedro, ( todos os direitos reservados aos Xutos e Pontapés]

"O vosso carinho, o vosso amor, a vossa energia, toda a força que me transmitem é-me tão forte e vital que só posso humildemente agradecer... Obrigado também a todos os que ontem gritaram o meu nome e fizeram com que tivesse força para continuar naquele palco até ao fim". Zé Pedro, nov. 2017.

@mmalheiro

 

publicado por marina malheiro às 19:47 link do post
21 de Outubro de 2017

7016fecea7ad3c5c2d3abc3b7524d3d0.jpg

Hiroshi Matsumoto ( all rights reserved)

sempre me fez extrema impressão aqueles que não verbalizam a dor, a sua , ou como dizia Pessoa, a que "leem nos outros". essa frieza incalculável diante da morte, da doença e das agruras dos outros nunca me pareceu normal.

numa "era do vazio" como a que vivemos quando um político está de tal forma "esmagado" pela tragédia que ocorreu no país, denominada por alguns como uma "autêntica guerra " de sul para norte, revelando um país incapaz de lutar contra alterações climáticas, mão humana incendiária e ausência de comunicações, e não verbaliza de forma histeriónica, apercebemo-nos que o sillêncio também é importante.

 isto por oposição a outro político, claramente vencedor das "massas" e que abraça todos, incansavelmente.

onde fica, então, o meio-termo entre a ausência da verbalização e o excesso da mesma?

talvez no estar, em silêncio, nos momentos-chave: um abraço tem mil palavras dentro.

 

a todos as vítimas dos incêndios de 15 de outubro

aos familiares das vítimas 

a todos os que ficaram despojados dos seus bens e do seu trabalho

a Tábua, terra da minha avó

@mmalheiro

publicado por marina malheiro às 12:30 link do post
01 de Agosto de 2017

eb896efec51394457a822cb6299c0a74.jpg

Sam Shepard.

Partiu ontem o dramaturgo, ator, escritor, cineasta.

A sempre magnífica Patti Smith escreveu hoje um texto tocante na New Yorker, dedicado ao seu velho amigo Sam Shepard.

Escute aqui o último texto pensado pelos dois , Sam e Patti, The One Inside,(2017) dito com o estilo próprio da "poeta" Patti Smith, "Forward" (magnífico) e "beba" as palavras. ( all rights reserved to Sam Shepard and Patti Smith).

O que é a vida, ou o melhor dela do que "beber boas palavras" ? as dos poetas?

 

" A malta pedia a Deus um salão de bilhar e andava à pancada todas as sextas-feiras à noite mesmo no meio da estrada, impedindo o tráfego. " Sam Shepard

@mmalheiro

 

 

publicado por marina malheiro às 21:09 link do post
18 de Maio de 2017

977c3cf01a67585ef8357dea8d79d1ef.gif

all rights reserved to Julien Douvier.

[ em dias em que ecoam vozes dissonantes sobre as ninharias da vida, há quem sofra na pele, todos os dias, um azar que lhe determina o fim, mantendo a esperança, com imensa coragem. há quem plante árvores em Sintra, árvores diferentes ainda com matéria de alguém que já partiu e cresce sob a forma de uma macieira ( nunca se sabe)]

ao J. que voou hoje e que deixará saudades.

a M. Morais com  muita amizade

a G. Malheiro

@mmalheiro

 

 

publicado por marina malheiro às 22:57 link do post
09 de Janeiro de 2017

mario_soares_large3.jpg

                                                  Foto de Mário Soares em criança.

                                           Em dias de cerimónias fúnebres de Mário Soares, apercebemo-nos ao ver deslizar a charrete e os batedores pelas ruas de Lisboa, ainda que por breves momentos, na televisão, que este é um momento tocante e histórico. Encerra-se um capítulo da História ainda tão recente ( de uma democracia "jovem", de apenas 42 anos) com a morte de Mário Soares, tal como se havia encerrado com a partida de Álvaro Cunhal. Ambos políticos geniais, homens para além do seu tempo. 

Contudo, fica o seu legado para as jovens gerações. Apercebi-me hoje disto quando um jovem de 13 anos sabia perfeitamente explicar quem fora Mário Soares , com grande detalhe e entusiasmo ou o meu próprio filho me perguntava se havia o filme sobre a fuga do Forte de Caxias (1961), pois achara a história sensacional.

esperança, portanto, Abril continuará.

[ "Disciplinar o Orçamento é bom, mas não é tudo. As pessoas são o mais importante.]

Mário Soares

 

@mmalheiro

 

 

publicado por marina malheiro às 23:35 link do post
07 de Janeiro de 2017

06278.04184.jpg

 Maria Barroso , Mário Soares e Tito de Morais em primeiro plano,  1974.

[ partiu hoje um lutador anti-fascista. indiscutível a importância do seu legado para a História da democracia portuguesa.

indiscutível o seu papel para a Liberdade. ]

@mmalheiro

publicado por marina malheiro às 20:17 link do post
25 de Dezembro de 2016

 

 

 

 

 

 

 

 

                        Requiem de Mozart.

                        A A.Santos, in memoriam. 

                        @mmalheiro

publicado por marina malheiro às 21:30 link do post
12 de Novembro de 2016

                        De Leonard Cohen, dito pelo próprio.

                        The ponies run, the girls are young,
The odds are there to beat.
You win a while, and then it's done -
Your little winning streak.
And summoned now to deal
With your invincible defeat,
You live your life as if it's real,
A Thousand Kisses Deep.

I'm turning tricks, I'm getting fixed,
I'm back on Boogie Street.
You lose your grip, and then you slip
Into the Masterpiece.
And maybe I had miles to drive,
And promises to keep:
You ditch it all to stay alive,
A Thousand Kisses Deep.

And sometimes when the night is slow,
The wretched and the meek,
We gather up our hearts and go,
A Thousand Kisses Deep.

Confined to sex, we pressed against
The limits of the sea:
I saw there were no oceans left
For scavengers like me.
I made it to the forward deck
I blessed our remnant fleet -
And then consented to be wrecked,
A Thousand Kisses Deep.

I'm turning tricks, I'm getting fixed,
I'm back on Boogie Street.
I guess they won't exchange the gifts
That you were meant to keep.
And quiet is the thought of you
The file on you complete,
Except what we forgot to do,
A Thousand Kisses Deep.

And sometimes when the night is slow,
The wretched and the meek,
We gather up our hearts and go,
A Thousand Kisses Deep.

The ponies run, the girls are young,
The odds are there to beat.

 

( all rights reserved to L. Cohen)

[ o poeta calou-se.]

@mmalheiro

 

publicado por marina malheiro às 16:04 link do post
11 de Novembro de 2016

fc2fcf7620aed1873bc3fa55c46ab012.jpg

                                          Leonard Cohen- fotografia no arquivo Pinterest.

                                          Partiu Leonard Cohen, o músico, o poeta,  o sonhador do Chelsea Hotel. Encontra neste Blog inúmeras referências a Cohen. Talvez esteja na imaterialidade a compôr música com a sua Marianne( que partiu também há poucos meses) e a dançar. So long, Leonard.

                                         "Então até logo, Marianne, é hora de começarmos a rir e chorar e chorar e rir novamente sobre tudo."

You Know who I am  ( all rights reserved to L. Cohen)

in Peel Session, 1968

@mmalheiro

 

publicado por marina malheiro às 19:15 link do post
Janeiro 2018
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31
subscrever feeds
Mensagens
Tracker
Posts mais comentados
2 comentários
sitemeter
Sitemeter
Wook
Wook
Pensa num Número - www.wook.pt
Facebook
Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

mais sobre mim
pesquisar neste blog
 
últ. comentários
Ainda estou em choque com tamanha tragédia!Os rela...
Melhor que a música, a companhia...
Obrigada pelo teu comentário. Para quem gosta de c...
Pois... não é por snobismo que moro onde moro,é me...
Caro ZT,obrigada pela referência. :)Saudações jazz...
Lembra Black Moth Super Rainbow.Inebriante.
Feel free to blush
Ai que ruborizo :)
Adorei caro Fio de Beque. Obrigada pela partilha. ...
Era esta :D https://youtu.be/XviMAXKvewM
blogs SAPO