http://jazzistica.blogs.sapo.pt
Blog de poesia , música e olhares de Marina Malheiro, aprendiz de poesia
15 de Junho de 2017

tumblr_n4i7gb6B5A1rjledmo1_500.gif

A tragédia do incêndio no  edifício  Grenfell Tower relembra tristemente o 11 de setembro de 2001: a impotência das pessoas diante da fatalidade. Sobreviver foi, de facto, uma questão de sorte perante  uma má gestão da segurança de um edifício público.

Surpreendentes, pais e mães, face ao caos na proteção dos filhos e todos os que procuraram ajudar os vizinhos

( incluindo bombeiros).

Espantosos aqueles como a estudante portuguesa, Inês Alves, 16 anos, que tendo perdido tudo no fogo, se concentrou no estudo para o exame de Físico-Química e o foi fazer, apesar de tudo.

Tudo que foi tanto e que à distância não conseguimos qualificar, de forma nenhuma.

@mmalheiro

publicado por marina malheiro às 19:52 link do post
16 de Abril de 2012

Charlie Chaplin

 

Hoje é o dia de Chaplin, que nos ensinou a rir  de nós, a brincar com as desgraças, a criticar ironicamente os facínoras como Hitler, a ser crianças, de novo...

 

Mas é também o dia deste homem, corredor de maratonas, cego aos 18 anos, que decorou caminhos para as suas corridas, é um exemplo de que há seres únicos, excepcionais.

Leia mais aqui http://www.guardian.co.uk/lifeandstyle/2012/apr/16/simon-wheatcroft-blind-ultramarathon-runner

 

 

http://www.youtube.com/watch?v=wLXvu_una3E

 

Smile, Djavan

 

@marinamalheiro

 

a todos aqueles que sorriem apesar da corrida de obstáculos ...

 

publicado por marina malheiro às 22:57 link do post
09 de Agosto de 2011

 

Na terceira noite em que foram atiradas mais sementes de violência em Londres. Violência pela violência, destruição pela destruição, pilhagens marcadas por Blackberry sabendo que a sua detecção é mais difícil pela Polícia londrina. Um morto confirmado hoje. Histórias dramáticas de residentes londrinos aqui.

 

Adormecida esta violência, terá acordado com a loucura da Noruega?

 

Ficam aqui notícias  ( Via Guardian) de que não se pode gostar, antes lastimar, no momento em que o PM inglês assegura milhares de agentes nas ruas de Londres e uma deputada sugere o recolher obrigatório.

última actualização aqui

Tudo isto lembra o filme Neds de Peter Mullan exibido no IndieLisboa2011

 

@mmalheiro

 

publicado por marina malheiro às 14:28 link do post
Julho 2017
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31
subscrever feeds
Mensagens
Tracker
sitemeter
Sitemeter
Wook
Wook
Pensa num Número - www.wook.pt
Facebook
Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

mais sobre mim
pesquisar neste blog
 
últ. comentários
Ainda estou em choque com tamanha tragédia!Os rela...
Melhor que a música, a companhia...
Obrigada pelo teu comentário. Para quem gosta de c...
Pois... não é por snobismo que moro onde moro,é me...
Caro ZT,obrigada pela referência. :)Saudações jazz...
Lembra Black Moth Super Rainbow.Inebriante.
Feel free to blush
Ai que ruborizo :)
Adorei caro Fio de Beque. Obrigada pela partilha. ...
Era esta :D https://youtu.be/XviMAXKvewM
blogs SAPO