http://jazzistica.blogs.sapo.pt
Blog de poesia , música e olhares de Marina Malheiro, aprendiz de poesia
07 de Janeiro de 2017

06278.04184.jpg

 Maria Barroso , Mário Soares e Tito de Morais em primeiro plano,  1974.

[ partiu hoje um lutador anti-fascista. indiscutível a importância do seu legado para a História da democracia portuguesa.

indiscutível o seu papel para a Liberdade. ]

@mmalheiro

publicado por marina malheiro às 20:17 link do post
27 de Setembro de 2016

72bac5de5dbf74a2cb87bdbba4f4d986.jpg

                                             Foto in Pinterest

                                        [da linha invisível dos acasos nasce a linha de dança livre e feliz.]

                                           aos que dançam descalços e amarrotados :)

                                          @mmalheiro

 

publicado por marina malheiro às 00:01 link do post
04 de Setembro de 2016

f500400d6a5fc82dcf60566ee76d3823.gif

                                         Cinemagraph via Pinterest.

"Vai sempre avante a paixão, / Buscando seu doce fim; / Os amantes são assim: / Todos fogem à razão. "

                                                                   Bocage

OMD (2016)- All rights reserved to OMD.

                                         @mmalheiro

publicado por marina malheiro às 01:13 link do post
05 de Agosto de 2016

1780cdaa0cf873e3fe63bb3dc95d85af.gif

                                                     Cinemagraph criado a partir de 80 frames ( fotos tiradas por cada 10 passos)- autoria                                              de Eliot in sweettsimplelifee.tumblr.com

                                             Iniciam-se hoje os Jogos Olímpicos no Rio de Janeiro.

(Dizem que um atleta corre em todo o lado, até numa praia, de pés descalços.)

@mmalheiro

 

(all rights reserved to The Proclaimers)

 

publicado por marina malheiro às 17:44 link do post
28 de Junho de 2016

734d1200264e9d69b0c18f0f84a6dc9d.jpg

                                   Foto de máquina de escrever Remington em etsy.com

                                 Era numa destas que Patti Smith escrevia muitos poemas e escritos.

Fantástico o  M Train de Patti Smith - " Fazia-me lembrar Tânger,embora nunca lá tivesse estado. Sentei-me no chão a um canto, com as paredes brancas e baixas à minha volta, adiando o tempo real, livre para deambular pela suave ponte que liga o passado ao presente. Ah, o meu Marrocos. Podia ir em qualquer comboio que quisesse . Escrevia sem realmente escrever- sobre génios, pessoas sem escrúpulos, viajantes míticos, sobre tudo o que fazia parte da minha vagabundagem." p.86.

[ Tradução Helder Moura Pereira]

@mmalheiro

 

publicado por marina malheiro às 20:43 link do post
25 de Maio de 2016

9f1dc8386270cad70699735176e24245.jpg                                   Foto de José Mário Branco via Pinterest ( Nelson Guerreiro)

                                  Encontra neste Blog inúmeras referências a José Mário Branco, músico e compositor que admiro muito por toda a Beleza, Resistência e Liberdade presentes na sua obra. Bem- haja! ( sempre!) em dia de aniversário.

                                     Escute aqui esta maravilha. ( todos os direitos reservados a José Mário Branco)

                                @mmalheiro

 

publicado por marina malheiro às 19:41 link do post
25 de Abril de 2016

13105811_1017418971680495_1519836827_o.jpg

                                 Bandeira de Portugal da Chaimite de Associação 25 de Abril.

                                  Desde que me conheço que ouço a palavra Abril. Nasci praticamente um ano depois mas tive a felicidade de ter pais interventivos, ávidos leitores de livros proibidos e não só, ávidos leitores de literatura e de política e  de irmãos que me fizeram gostar de música e me deram colo.

No 1º de maio de 1977 ia ao colo do meu pai. Depois durante anos fui à festa do Avante, como um ritual.

Mais tarde fiz parte da "geração rasca" , participando em inúmeras manifestações enquanto estudante e depois como trabalhadora. Desci sempre a Avenida, acompanhada por colegas e amigos queridos, alguns que deixaram saudades ,pois viviam este dia em pleno. Aprendi muito com eles.

Hoje desci a Avenida com o meu filho pela mão, atrás da Chaimite da Associação 25 de Abril.

Sem me aperceber já estava a gritar palavras de ordem e a cantar o "Grândola". O tempo encarrega-se de passar legados. Foi hoje o dia.

@mmalheiro

ao meu filho Manel

[a Arminda Palma e Luís Santos, in memoriam]

 

publicado por marina malheiro às 21:03 link do post
21 de Março de 2016

c94a0fba709b9c78355e993f9e4c59b1.gif

                                       The  Australian Ballet via Pinterest.

 

Para atravessar contigo o deserto do mundo (feat. Pearl Jam)
Para enfrentarmos juntos o terror da morte
Para ver a verdade para perder o medo
Ao lado dos teus passos caminhei

Por ti deixei meu reino meu segredo
Minha rápida noite meu silêncio
Minha pérola redonda e seu oriente
Meu espelho minha vida minha imagem
E abandonei os jardins do paraíso

Cá fora à luz sem véu do dia duro
Sem os espelhos vi que estava nua
E ao descampado se chamava tempo

Por isso com teus gestos me vestiste
E aprendi a viver em pleno vento

Sophia de Mello Breyner Andresen, in 'Livro Sexto'
 
aos que não têm medo de atravessar os desertos do Mundo
 
@mmalheiro
 

                                      

publicado por marina malheiro às 21:35 link do post
19 de Fevereiro de 2016

                        De do do do de da da da, The Police ( all rights reserved to The Police)

                        o título desta canção light  poderá ser uma variante do Obladi, oblada, porque não quer dizer nada ou nada que se perceba. é, pois, perfeito na sociedade do Homem light ( Rojas, 1994) tão concentrada em si mesma, superficial, cheia ,afinal, de vazios naquilo que é fundamental. Para onde caminhamos? É livre de ler um post menos light e mais cor de rosa.

                        @mmalheiro

 

publicado por marina malheiro às 23:12 link do post
10 de Dezembro de 2015

6820f4953270e3c87c2c29326b837b0b.jpg

 

                                                         Via Pinterest

                          No dia em que se anunciam medidas adicionais de restrição orçamental  para manter o défice abaixo dos 3%, o que não é surpreendente, noticia-se a rescisão voluntária de mais trabalhadores de um jornal ( Público) e a situação desesperante de professores do ensino artístico com salários em atraso.

Haverá muito a fazer para que um país sobreviva à "tona de água" e não dependa novamente de assistência financeira internacional. Muito a restringir novamente. Esperemos que em despesa do Estado e não em despesa que afete os trabalhadores e o seu "pão".

O encerramento de jornais e despedimento de trabalhadores é , por um lado, em resultado da crise económica ( com a diminuição do número de vendas e talvez de publicidade) e por outro, em resultado do uso das redes sociais e da Internet para ter acesso aos jornais. Novamente a Cultura poderá ser ativa, dado que milhares de jovens portugueses, com o incentivo certo, poderão aprender a gostar de ler jornais, em papel, e outros públicos- alvo, a bem da liberdade de imprensa, da liberdade de opinião.

Muito a fazer, a redirecionar, para que o país reverta a situação económica e mantenha, firmes, ideias de dinamização económica e sempre, ideias de democracia, na palma da mão. ( todos os direitos reservados a Jorge Palma, in Uma viagem na palma da mão, 1975)

@mmalheiro

 

publicado por marina malheiro às 21:07 link do post
Setembro 2017
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
13
14
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
Mensagens
Tracker
sitemeter
Sitemeter
Wook
Wook
Pensa num Número - www.wook.pt
Facebook
Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

mais sobre mim
pesquisar neste blog
 
últ. comentários
Ainda estou em choque com tamanha tragédia!Os rela...
Melhor que a música, a companhia...
Obrigada pelo teu comentário. Para quem gosta de c...
Pois... não é por snobismo que moro onde moro,é me...
Caro ZT,obrigada pela referência. :)Saudações jazz...
Lembra Black Moth Super Rainbow.Inebriante.
Feel free to blush
Ai que ruborizo :)
Adorei caro Fio de Beque. Obrigada pela partilha. ...
Era esta :D https://youtu.be/XviMAXKvewM
blogs SAPO