http://jazzistica.blogs.sapo.pt
Blog de poesia , música e olhares de Marina Malheiro, aprendiz de poesia
31 de Dezembro de 2012

Um Ofício que Fosse de Intensidade e Calma

Um ofício que fosse de intensidade e calma 
e de um fulgor feliz E que durasse 
com a densidade ardente e contemporâneo 
de quem está no elemento aceso e é a estatura 
da água num corpo de alegria E que fosse   fundo 
o fervor de ser a metamorfose da matéria 
que já não se separa da incessante busca 
que se identifica com a concavidade originária 
que nos faz andar e estar de pé 
expostos sempre à única face do mundo 
Que a palavra fosse sempre   a travessia 
de um espaço em que ela própria fosse aérea 
do outro lado de nós e do outro lado de cá 
tão idêntica a si que unisse o dizer e o ser 
e já sem distância e não-distância nada a separasse 
desse rosto que na travessia é o rosto do ar e de nós próprios 

António Ramos Rosa, in "Poemas Inéditos"



Pergunta esta escrevente se em 2013 terá capacidade de continuar a escutar sons, ler textos, gostar das pessoas, com o mesmo "fulgor feliz" de todos os anos.


Desejo a todos os que fazem parte da estatística que grassa esta jangada de pedra um ofício "de intensidade e calma e de um fulgor feliz".


 

                                                                          Tame Impala, Apocalypse Dreams, 2012

 

 


@marinamalheiro



publicado por marina malheiro às 12:54 link do post
08 de Novembro de 2012

http://www.youtube.com/watch?v=3dC4bHlNCr4&feature=related

 

The National , Runaway

 

Dedico a todos os milhares de professores portugueses que continuam a aguardar um posto de trabalho, uma escola onde trabalhar.

 

"A esperança não é nem realidade nem quimera. É como os caminhos da terra: na terra não havia caminhos; foram feitos pelo grande número de passantes."


Hsun 

publicado por marina malheiro às 23:31 link do post
18 de Outubro de 2012

The Smiths, Let me get what i want
em dias em que mais vale não ouvir falar de taxas de IRS ( absolutamente injustas e sem equidade alguma), de Orçamentos de Estado, de quezílias dentro do Governo, de estabilidade, do pacto, dos juros, da Coligação , etc
Ouçamos música, a mais virtuosa e inexplicável das artes
"Milhares de pessoas cultivam a música; poucas porém têm a revelação dessa grande arte."

Beethoven


@marinamalheiro


publicado por marina malheiro às 22:38 link do post
30 de Agosto de 2012

Supernova 1957D, uma das poucas que está fora da Via Láctea

FOTO NASA (www.nasa.gov)http://www.youtube.com/watch?v=PN9n1bAahg4 The Beatles

 

Há ternuras  infinitamente belas

 

A M.R, Zé Maria e Madalena

 

@marinamalheiro

 

publicado por marina malheiro às 00:29 link do post
24 de Março de 2012

 

Foto com direitos de autor /Via TimesPhoto (Facebook/Índia)

 

Pensando na Teoria do Caos e , em particular, no efeito borboleta, que se aplica a tudo;

"o bater de asas de uma simples borboleta poderia influenciar o curso natural das coisas" (Lorenz, 1963).

A nossa concepção do Tempo transformou-se e  "um bater de asas" tudo muda, renova. Também nós somos borboletas , em metamorfoses diárias e tão ténues  de que, por vezes, não nos apercebemos .

 

 

 

The Magnetic Fields, I think i need a new heart

 

 

........................................................................................................................................

 @marinamalheiro

publicado por marina malheiro às 16:45 link do post
07 de Março de 2012

Gulbenkian, Março de 2012 ( Foto minha)

 

 

Andrew Bird, Skin is my
 
 
@marinamalheiro
 
 
publicado por marina malheiro às 16:50 link do post
24 de Fevereiro de 2012

 

Leslie Feist, How come you never go there, ( 2011)

 

nas mãos a música toda recomeçando em novo tom

 

Pelos caminhos do Som, ao acaso, escuto novas sonoridades ou antigas revisitadas

 

@marinamalheiro

publicado por marina malheiro às 20:03 link do post
21 de Fevereiro de 2012

Foto minha (mmalheiro), Oeiras, Fevereiro 2012

 

Ler os livros, ler a Vida, junto ao mar, em eterna navegação à bolina.

 

 

 

Carminho, Escrevi teu nome no vento, 2011 ( ao vivo no Museu do Fado) / todos os direitos reservados a Carminho

 

" (...) enquanto o vento se agita/ agita-se o meu tormento/ quero esquecer-te , acredita/ mas cada vez há mais vento".

 

@marinamalheiro

publicado por marina malheiro às 15:02 link do post
31 de Janeiro de 2012

 

 

Arcade Fire (Janeiro de 2012/ Austin City Limits)

                                                                

                                                             "  O corpo do bailarino é simplesmente a manifestação luminosa da alma."

Isadora Duncan

 

em dias de muita dança mas nada indiferentes à dança dos outros...

 

@mmalheiro

publicado por marina malheiro às 21:16 link do post
27 de Janeiro de 2012

esta seria uma vista única da minha Janela

Foto nasa.gov.com - foto de 4 de Janeiro , tirada a bordo do Satélite Suomi APP

 

 

 http://www.youtube.com/watch?v=7dhFvI5GpHA&feature=related~

 

escutando os Smiths

 

 

nesta janela abraço o Mundo

 mas o Mundo és tu em mim, amor plantado, seiva pura e bela

nos dias que correm novos

@mmalheiro

 

publicado por marina malheiro às 00:58 link do post
Julho 2017
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31
Mensagens
Tracker
sitemeter
Sitemeter
Wook
Wook
Pensa num Número - www.wook.pt
Facebook
Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

mais sobre mim
pesquisar neste blog
 
últ. comentários
Ainda estou em choque com tamanha tragédia!Os rela...
Melhor que a música, a companhia...
Obrigada pelo teu comentário. Para quem gosta de c...
Pois... não é por snobismo que moro onde moro,é me...
Caro ZT,obrigada pela referência. :)Saudações jazz...
Lembra Black Moth Super Rainbow.Inebriante.
Feel free to blush
Ai que ruborizo :)
Adorei caro Fio de Beque. Obrigada pela partilha. ...
Era esta :D https://youtu.be/XviMAXKvewM
blogs SAPO