http://jazzistica.blogs.sapo.pt
Blog de poesia , música e olhares de Marina Malheiro, aprendiz de poesia
15 de Setembro de 2017

sem nome2.png                                             Foto via Pinterest

     [ o tempo vai embrulhando rapidamente a vida. os animais adoecem de velhice ou tristeza, as sementes medram pela terra adentro, as videiras em nós vão crescendo felizes e os que nos rodeiam são assaltados por imprevistos no seu caminho longo de vida. as uvas tintas serão colhidas lá para outubro, tempo em que o Outono será permanente nos ossos, na tristeza meio saudosa dos dias já mais curtos. a minha videira, bela e única, sairá da terra pura talvez em fins de novembro, talvez em dias de gelo, mas será certamente acalentada com muita ternura nos teus braços crescidos agora de homenzinho valente.

faremos a nossa vindima bonita, juntos, neste tempo novo, meu aviador.

ao Zé.

ao Manel.

@marinamalheiro

 

publicado por marina malheiro às 19:51 link do post
12 de Setembro de 2017

beleza.png                                                       Cá estamos nós à tua espera.

                                                     [ ao pequeno poema]

                                                    @mmalheiro

 

publicado por marina malheiro às 12:43 link do post
04 de Janeiro de 2017

[Os dias brindam-nos com um tempo novo, mesmo que a alma vá envelhecendo lentamente como um outono tardio.

Em nosso redor, os nossos ganham cabelos brancos, rugas bonitas e fráguas várias.

Tu cresces viçoso como uma árvore bonita, uma cerejeira a despontar no caminho, indiferente no teu mundo redondo e pueril.

Sentamo-nos num banco liso e translúcido, frente à praia de sempre, em silêncio. Pensar é música e silêncio e a tua mão.]

 

Escute aqui o excelente concerto, dado há um mês em Berlim, por Katie Melua ( all rights reserved to Katie Melua)

@mmalheiro

publicado por marina malheiro às 10:12 link do post
25 de Abril de 2016

13105811_1017418971680495_1519836827_o.jpg

                                 Bandeira de Portugal da Chaimite de Associação 25 de Abril.

                                  Desde que me conheço que ouço a palavra Abril. Nasci praticamente um ano depois mas tive a felicidade de ter pais interventivos, ávidos leitores de livros proibidos e não só, ávidos leitores de literatura e de política e  de irmãos que me fizeram gostar de música e me deram colo.

No 1º de maio de 1977 ia ao colo do meu pai. Depois durante anos fui à festa do Avante, como um ritual.

Mais tarde fiz parte da "geração rasca" , participando em inúmeras manifestações enquanto estudante e depois como trabalhadora. Desci sempre a Avenida, acompanhada por colegas e amigos queridos, alguns que deixaram saudades ,pois viviam este dia em pleno. Aprendi muito com eles.

Hoje desci a Avenida com o meu filho pela mão, atrás da Chaimite da Associação 25 de Abril.

Sem me aperceber já estava a gritar palavras de ordem e a cantar o "Grândola". O tempo encarrega-se de passar legados. Foi hoje o dia.

@mmalheiro

ao meu filho Manel

[a Arminda Palma e Luís Santos, in memoriam]

 

publicado por marina malheiro às 21:03 link do post
14 de Abril de 2016

56891ffab22ce6dd1a243a4a95d048c0.jpg

                                          [ mudar de rumo/ mudar de rumo- a formiga no carreiro./ eu vim de longe e vou para longe. (todos os direitos reservadíssimos ao grande José Mário Branco

                                                                      aos amigos.

                                                           [ a A.Carreiras  ,ML Malheiro e M. com amor.]

                                                       @mmalheiro

                                                                     

publicado por marina malheiro às 22:01 link do post
23 de Novembro de 2015

4dce3abe5ac8015e26f0a62a3679b9a2.jpg

via Pinterest        Autumn by Aakasha on Etsy ( all rights reserved to Aakasha)

https://www.youtube.com/watch?v=bZU72bHnfdk&hd=1 I don't demand too much ( Michael Nyman, 2015- banda sonora de Ingrid Bergman in her own words). 

[O tempo caminha connosco. Somos fráguas, vento e árvore com raízes. Caminhas comigo , és folha pura. Ternura.]

@mmalheiro

 

publicado por marina malheiro às 23:11 link do post
04 de Novembro de 2015

A vida é como a dança. 

Os movimentos são nossos e os erros também, no entanto, podemos corrigir o passo e tentar tornar a dança perfeita.

Não é tão relativo quem faz o "pas de deux" connosco e nos eleva no ar. A sintonia é a certa naquele momento. É isso que ficará em memória na curva melódica dos bailarinos.  

Há, no entanto, mãos únicas e ternas que dançam para sempre connosco desde o ventre.

@mmalheiro

 Sétima Legião, Com o Vento, in a um Deus Desconhecido ( todos os direitos reservadíssimos aos magníficos Sétima Legião)

@mmalheiro

a todos os que amam dançar

publicado por marina malheiro às 23:33 link do post
19 de Outubro de 2015

epic_1b_20151017003145_00.png

                                        - Há mais para além da não-coligação governamental e da espera de um país por um                                                        Governo.

                                         Muito mais. Escute aqui esta versão de Song to the Siren - ( todos os direitos reservados a David Fonseca/ Sudoeste 2008 e Tim Buckley)

 
[Earth View: October 19, 2015 | NASA/NOAA DSCOVR Satellite
NASA launched a new website Monday so the world can see images of the full, sunlit side of the Earth every day: http://epic.gsfc.nasa.gov. The images are taken by a NASA camera one million miles away on the Deep Space Climate Observatory (DSCOVR), a partnership between NASA, the National Oceanic and Atmospheric Administration (NOAA) and the U.S. Air Force.] Via Friends of Nasa
                                             
                                                     ao M. com amor.
                                                     
                                                     @mmalheiro
publicado por marina malheiro às 21:29 link do post
05 de Setembro de 2015

                                                               

e4b7aca3eb6e219ff1d172ab53246971.jpg

                          Dolce & Gabbana Fall 2015 RTW via Pinterest

                           https://www.youtube.com/watch?v=8tqmBoSuQ4Q&hd=1

                          a estrutura desabou, apanhou o pó do caminho e levantou-se em força.

                          nas mãos ,agora,o fruir dos dias e a ternura toda. 

                          @mmalheiro

publicado por marina malheiro às 04:02 link do post
27 de Agosto de 2015

                       

                     

d6d942540b5c8534cf475df23a21ccca.jpg

 em b-eastl-y.tumblr.com

era uma vez um tempo de vinho novo onde só tu, tão terno e frágil, importavas.

https://www.youtube.com/watch?v=yLxmT0E6QeA&hd=1 Hapiness, Rodrigo Leão ( todos os direitos reservados a Rodrigo Leão)

@mmalheiro

 

 

 

 

publicado por marina malheiro às 23:56 link do post
Setembro 2017
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
13
14
16
17
18
19
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
subscrever feeds
Mensagens
Tracker
Posts mais comentados
2 comentários
sitemeter
Sitemeter
Wook
Wook
Pensa num Número - www.wook.pt
Facebook
Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

mais sobre mim
pesquisar neste blog
 
últ. comentários
Ainda estou em choque com tamanha tragédia!Os rela...
Melhor que a música, a companhia...
Obrigada pelo teu comentário. Para quem gosta de c...
Pois... não é por snobismo que moro onde moro,é me...
Caro ZT,obrigada pela referência. :)Saudações jazz...
Lembra Black Moth Super Rainbow.Inebriante.
Feel free to blush
Ai que ruborizo :)
Adorei caro Fio de Beque. Obrigada pela partilha. ...
Era esta :D https://youtu.be/XviMAXKvewM
blogs SAPO