http://jazzistica.blogs.sapo.pt
Blog de poesia , música e olhares de Marina Malheiro, aprendiz de poesia
27 de Fevereiro de 2015

 

252317185433a73a1706fdc889ce09b5.jpg

 

                                                                     gif a partir de foto de Muybridge ( bisada a foto neste blog)

                                                          https://www.youtube.com/watch?v=3ycaoV0WXfk      Sandy Denny and The                                                                                                                  Strawbs ( trisada                                                                                                                          esta  música neste blog)

                                                 a Mário Afonso e Julieta Afonso, avós do coração, em dias de desconstrução de                 paredes e de um passado feliz e agradecido ( sempre).

                                                  aos meus pais

                                                 @marinamalheiro

                                                                     

publicado por marina malheiro às 19:48 link do post
26 de Fevereiro de 2015

"uma certa quantidade
Uma certa quantidade de gente à procura
de gente à procura duma certa quantidade

Soma:
uma paisagem extremamente à procura
o problema da luz (adrede ligado ao problema da vergonha)
e o problema do quarto-atelier-avião

Entretanto
e justamente quando
já não eram precisos
apareceram os poetas à procura
e a querer multiplicar tudo por dez
má raça que eles têm
ou muito inteligentes ou muito estúpidos
pois uma e outra coisa eles são
Jesus Aristóteles Platão
abrem o mapa:
dói aqui
dói acolá

E resulta que também estes andavam à procura
duma certa quantidade de gente
que saía à procura mas por outras bandas
bandas que por seu turno também procuravam imenso
um jeito certo de andar à procura deles
visto todos buscarem quem andasse
incautamente por ali a procurar

Que susto se de repente alguém a sério encontrasse
que certo se esse alguém fosse um adolescente
como se é uma nuvem um atelier um astro"
 
Mário Cesariny ( todos os direitos reservados)
https://www.youtube.com/watch?v=GTm8SpDPO3s The Cure ( all rights reserved to the magnificent The Cure)
 
ao grande Cesariny
 
@marinamalheiro
 
 
publicado por marina malheiro às 16:12 link do post
25 de Fevereiro de 2015

"Vós, que trabalhais só duas horas
a ver trabalhar a cibernética,
que não deixais o átomo a desoras
na gandaia, pois tendes uma ética;

que do amor sabeis o ponto e a vírgula
e vos engalfinhais livres de medo,
sem peçários, calendários, Pílula,
jaculatórias fora, tarde ou cedo;


computai, computai a nossa falha
sem perfurar demais vossa memória,
que nós fomos pràqui uma gentalha
a fazer passamanes com a história;

que nós fomos (fatal necessidade!)
quadrúmanos da vossa humanidade. "


Alexandre O'Neill, "Poemas com endereço"

 aos computai, pois...

https://www.youtube.com/watch?v=OURvzB_ziiI Placebo, Where is my mind

@marinamalheiro

publicado por marina malheiro às 19:16 link do post
24 de Fevereiro de 2015

Não há mais paciência para Pinóquios e bruxas más  que falam "deutch" e sem "merika" nenhuma nos ossos, na história da troika e do (des)governo. Um défice que afinal foi ultrapassado , pago às custas de todos os intervenientes na história, secundários ou não. Nunca figurantes pois o imposto sai-lhes literalmente dos bolsos. Contabilidade pública, sem proveitos, só custos e raras amortizações. Fraco investimento económico, desenvolvimento ( algum) pelas PME e pelos atrevidos empreendedores que ainda ( sonham). Está tudo bem, tudo a crescer como ontem se repetia na televisão, e tem de se cortar mais no emprego, no funcionalismo público. Coragem ,a dos gregos, que abanaram completamente a história e tentaram demonstrar, esperemos que o consigam, que as histórias têm sempre vários finais, diferentes e ainda bem, daqueles que são politicamente corretos.

https://www.youtube.com/watch?v=3sMHbN5siT4

Alison Mosshart - The Passenger (Iggy pop cover)

 

                                                                    @marinamalheiro

 

publicado por marina malheiro às 12:06 link do post
22 de Fevereiro de 2015

 Charles Bradley, Changes ( cover do original dos Black Sabath

[redesenhada a carvão a linha do tempo. fio de prumo diferente, amadurecido, oblíquo  na parede. tudo ardido pelo caminho. espaços em branco, agora. da calma ressurgirá novo desenho. guardadas no alpendre as memórias de felicidade. à janela os teus ternos abraços e a tua mão. porta aberta.] @marinamalheiro

A Oliver Sacks com quem aprendi muito sobre música, silêncio e vida. Procure neste Blog referências a este brilhante neurologista e aqui poderá ler o seu Blog e encontrar o seu livro de memórias. 

publicado por marina malheiro às 11:39 link do post
20 de Fevereiro de 2015

f737c122520ead021c4357a4edf8a727.jpg

 James Wyper: Transparent Freedom, 2013, acrylic on birch

[ Quem trabalha embora esteja mal disposto é um subsidiário da ação; pode ser na vida, na grande generalidade da vida, um guarda-livros, como eu sou na particularidade dela. O que não pode ser é um regente de coisas ou de homens À regência pertence a insensibilidade. Governa quem é alegre porque para ser triste é preciso sentir.

O patrão Vasques fez hoje um negócio em que arruinou um indivíduo doente e a família. Enquanto fez o negócio esqueceu por completo que esse indivíduo existia, excepto como parte contrária comercial. Feito o negócio, veio-lhe a sensibilidade. (...)  ] Bernardo Soares,  O livro do desassossego, (303)

no dia em que a Grécia conseguiu mais 4 meses de empréstimo no acordo com o Eurogrupo. entretanto, agradece-se o "confesso que errei" face às medidas pesadíssimas aplicadas em Portugal a mando/ regência da Troika e em servil obediência portuguesa. Quem pagou este negócio no corpo, no trabalho, na alma, nos dias? Os milhares que abandonaram o país, os milhares de desempregados, os reformados com cortes inacreditáveis nas suas pensões,as empresas que faliram e todos aqueles que dependem das regências dos outros. Aqueles a quem se pede agora a plastificação da vida. 

Claro que há quem se deixe reger subserviente e convenientemente e todo este negócio seja apenas isso mesmo, um negócio.

https://www.youtube.com/watch?v=ftUn5GSsPBw&hd=1 Nirvana, Lithium, 1992 

aos gregos.

@marinamalheiro

 

publicado por marina malheiro às 22:40 link do post
19 de Fevereiro de 2015

d3fa05f13d00f0c0ec6f62a35239b2f6.jpg

 

                                      via Pinterest

                                      https://www.youtube.com/watch?v=ByYvTra8zWw

                                       all rights reserved to Unknown Mortal Orchestra ( 2015- álbum a lançar em Maio de 2015)

                                    a esticar a rotatividade ao máximo em dia grego ( sempre!).

                                    @marinamalheiro

publicado por marina malheiro às 16:01 link do post
18 de Fevereiro de 2015

11008053_786774151411646_5533067996841210836_n.jpg

o mar, algures. foto mmalheiro.

Los ponientes y las generaciones.
Los días y ninguno fue el primero.
La frescura del agua en la garganta
de Adán. El ordenado Paraíso.
El ojo descifrando la tiniebla.
El amor de los lobos en el alba.
La palabra. El hexámetro. El espejo.
La Torre de Babel y la soberbia.
La luna que miraban los caldeos.
Las arenas innúmeras del Ganges.
Chuang-Tzu y la mariposa que lo sueña.
Las manzanas de oro de las islas.
Los pasos del errante laberinto.
El infinito lienzo de Penélope.
El tiempo circular de los estoicos.
La moneda en la boca del que ha muerto.
El peso de la espada en la balanza.
Cada gota de agua en la clepsidra.
Las águilas, los fastos, las legiones.
César en la mañana de Farsalia.
La sombra de las cruces en la tierra.
El ajedrez y el álgebra del persa.
Los rastros de las largas migraciones.
La conquista de reinos por la espada.
La brújula incesante. El mar abierto.
El eco del reloj en la memoria.
El rey ajusticiado por el hacha.
El polvo incalculable que fue ejércitos.
La voz del ruiseñor en Dinamarca.
La escrupulosa línea del calígrafo.
El rostro del suicida en el espejo.
El naipe del tahúr. El oro ávido.
Las formas de la nube en el desierto.
Cada arabesco del calidoscopio.
Cada remordimiento y cada lágrima.
Se precisaron todas esas cosas
para que nuestras manos se encontraran.

J-Luís Borges, Las causas

 

https://www.youtube.com/watch?v=2C5EPmR7YdY

@marinamalheiro

ao meu filho Manel

 

 

 

publicado por marina malheiro às 18:04 link do post
17 de Fevereiro de 2015

Cat Power, 2006, Lived in Bars, bisado neste Blog. ( all rights reserved to Cat Power)

[ Lived in bars / danced on tables/ (...) aeroplanes in the air/ looking living in a bottle(...) ]

                                    a [ a.p. e  l. s.]

                                   @marinamalheiro

 

publicado por marina malheiro às 22:38 link do post
16 de Fevereiro de 2015

10993398_320370468151693_1667879679854297269_n.jpg

                                     Aurora, Northern Alaska via Astro Max

                                       https://www.youtube.com/watch?v=U5a_vjHyd0s Time is dancing, Ben Howard (2014)

                                [    Não desisti de

habitar a arca azul do antiquíssimo sossego do

universo.
A minha ascendência é o sol e uma montanha verde
e a lisa ondulação do mar unânime. ]

Ramos Rosa in Não desisti de habitar a arca azul

@marinamalheiro

 

publicado por marina malheiro às 20:16 link do post
Fevereiro 2015
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
21
23
28
subscrever feeds
Mensagens
Tracker
Posts mais comentados
12 comentários
4 comentários
2 comentários
2 comentários
2 comentários
2 comentários
sitemeter
Sitemeter
Wook
Wook
Pensa num Número - www.wook.pt
Facebook
Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

mais sobre mim
pesquisar neste blog
 
últ. comentários
Ainda estou em choque com tamanha tragédia!Os rela...
Melhor que a música, a companhia...
Obrigada pelo teu comentário. Para quem gosta de c...
Pois... não é por snobismo que moro onde moro,é me...
Caro ZT,obrigada pela referência. :)Saudações jazz...
Lembra Black Moth Super Rainbow.Inebriante.
Feel free to blush
Ai que ruborizo :)
Adorei caro Fio de Beque. Obrigada pela partilha. ...
Era esta :D https://youtu.be/XviMAXKvewM
blogs SAPO